sábado, 28 de novembro de 2009

Campeonato Africano de Futebol


Sei pouco de futebol e não tenho interesse suficiente que justifique saber mais.
Mas “tropecei” num artigo sobre o Campeonato Africano de Futebol ( CAN 2010), cuja 27ª edição se realiza em Janeiro próximo, em Angola. Angola, sim, interessa-me muito.
Lá como cá, não se pouparam esforços para construir novos estádios – desejo que sejam todos, no futuro, mais e melhor rentabilizados.
Aí estão eles, nas cidades onde vão decorrer os jogos : Luanda, Cabinda ( para afirmar a integração plena no estado angolano?...), Lubango e Benguela. Foram inaugurados a 11 de Novembro, data do 34º aniversário da independência. Parecem bonitos e, como não podia ( quase) deixar de ser, as construtoras são empresas chinesas …
Lá como cá, o CAN 2010 foi uma boa ocasião para se realizarem infra-estruturas importantes para o desenvolvimento do país : construção de hotéis, investimentos no campo das tecnologias de informação e telecomunicações, reconstrução de caminhos de ferro e estradas …

Todo este desenvolvimento não deve ser alheio ao facto de construtores civis, governantes, quadros técnicos superiores e outros profissionais que circulam facilmente entre Angola e Portugal, serem os principais clientes das lojas de marca portuguesas. Tudo bem mas … e os “meninos da rua”? E a pobreza da maior parte da população sobretudo da população rural? E o monopólio económico da família do Presidente? Deixem p’ra lá , é demagogia barata …
E o povo, mesmo o mais pobre, vai alegrar-se com o futebol, se calhar vai ser até um bocadinho mais feliz .

2 comentários:

ACERCA DE MIM disse...

A luta continua ... pelos que não conseguem esquecer teren perdido privilégios de colonizadores, e a espinha nunca passará da garganta.
A ignorância e o empenhar por errado acto acústico, é feio. Não se deve falar do que não se sabe. Voce é mentiroso e perigoso nas afirmações e está esquecido do que ainda em 1974, antes do 25 de Abril os portugueses fizeram ao povo angolano, espoliando, escravizando... ou vc sabe que em 1974 ainda havia no "mato" povo a comer raizes por falta de meios de subsistência... havia cólera (eu perdi um sobrinho) em 1973, no Huambo... vá~se lixar. Vá a Angola e veja as verdades.
Oxalá o meu comentário não precise de ser autorizado para ser publicado...
Carlos Pereira

goiaba disse...

Sr.Carlos Pereira
Não se zangue, não sou uma "colonialista" saudosa como julga e o meu interesse por Angola, pela história e cultura africanas e pelo desenvolvimento de África nada tem a ver com perda de bens e privilégios. Se calhar fui africana numa outra encarnação, quem sabe?
Claro que é "demagogia barata" pensar que o dinheiro gasto nos estádios podia ser usado para baixar os níveis de pobreza ... Claro que em qq país com uma recente classe com poder económico há manifestações de riqueza que chocam. É humano mas critico. Não posso deixar de lamentar que os humanos não tendam para ser mais justos e menos egoístas.
Compreendo mto bem reacções impulsivas de quem se sente injustiçado! Tenha a cor que tiver, viva onde viver.
Espero que o CAN 2010 seja um êxito e tenha valido o investimento. Em Portugal também se fizeram estádios para um "europeu" e alguns estão abandonados custando milhares de euros aos contribuintes.
Volte ao nosso blog.( eu comrinuarei a assinar e ler "Africa 21")