sexta-feira, 4 de fevereiro de 2011

Finalmente!!


Finalmente terei onde votar.
Finalmente reconhecem-me direitos de cidadão.
Finalmente tenho um partido : o PAN, Partido pelos Animais e pela Natureza.

Foi legalizado há uma semana, com 9 300 assinaturas de humanos “ como devem ser”…
Parece que estou a brincar mas é muito a sério o propósito de “ consagrar na Constituição Portuguesa a senciência dos animais, ou seja, a sua capacidade de sentir a dor física e a psicológica”. E, claro, quem atentar contra os direitos dos animais deve ser criminalizado. Daqui até ser criada uma polícia paralela destinada a cumprir a lei irá pouco – diz o porta voz Paulo Borges que até admite ser essa uma medida para criar postos de trabalho.
O PAN pretende também que se criem hospitais veterinários comparticipados pelo Estado e que alimentos e medicamentos se possam incluir no IRS.
E mais : nas escolas deve haver aulas sobre como salvar a Natureza e cuidar dos animais.

Eu acho bem! Neste período de crise sei que há animais abandonados por donos com problemas financeiros e sem coração.
Também gostei do símbolo do partido e de saber que humanos importantes como o Dalai Lama, Maneka Gandhi, Pedro Laginha e Vítor Pomar, apoiam este partido.
E sabem o que vos digo? O que diz outro apoiante ( Rui Reininho) : “ É preciso evoluir. Também era tradição escravizar ou bater nas mulheres “ …

Se quiserem conhecer os Estatutos do partido consultem o site
http://www.partidoanimaisnatureza.com e … oiçam o HINO

TENHO DITO!! Amon

2 comentários:

GatosMania disse...

Hercules e Betty gostam disto !

Isa disse...

Viva o Amon!
Viva a dona do Amon pq fez uma postagem deliciosa!
Beijo.
isa.