quarta-feira, 1 de outubro de 2008

DIA MUNDIAL DO VEGETARIANISMO


Desde 1977 comemora-se, no dia 1 de Outubro, o DIA MUNDIAL DO VEGETARIANISMO.
O vegetarianismo é uma prática muito antiga iniciada sobretudo por budistas e hindus – embora, para um budista, não seja proibido comer carne.
Há muitos vegetarianos que o são por razões de saúde mas o vegetarianismo é, sobretudo, uma filosofia de vida que se pode aliar a crenças de natureza religiosa.
Há três tipos principais de vegetarianos:
- os “ovo-lacto-vegetarianos” que só não consomem carnes de animais;
- os “lacto-vegetarianos” que, além dos animais, excluem os ovos ;
- os “vegans” que excluem animais, ovos e lacticínios e se consideram os verdadeiros vegetarianos.
Há estatísticas que demonstram serem os vegetarianos mais livres de doenças cardíacas e coronárias, de certos tipos de cancro, de hipertensão e colesterol, de doenças intestinais e de obesidade, …Mas, para que os inconvenientes não sejam superiores às vantagens, é preciso conhecer bem o valor nutritivo de todos os alimentos vegetais disponíveis e saber combiná-los e ingeri-los
nas doses adequadas. Aprender tudo isso eu acho que é aliciante e viver de acordo com alguns princípios de harmonia pessoal e global também.

Há muitos anos – entre os 18 e os 22/23 anos, fui vegetariana. Era fácil porque num supermercado que tinha “ao lado”, vendiam-se doses com misturas equilibradas para serem cozinhadas. Depois, ficou o gosto e hoje, quase todas as semanas, faço uma ou duas refeições vegetarianas: massas, cuscus ou tartes com vegetais, estufados de vegetais e cogumelos, …

Aqui ficam duas receitas, uma salgada, outra doce:


Tartes/ tarteletes de espinafres e pinhões :

- 1 embalagem de massa folhada congelada para forrar pequenas tarteiras com 10 ou 15 cm de diâmetro (de louça ou metal); picar o fundo
- 1 embalagem congelada de espinafres com queijo ( ou espinafres cozidos, picados + queijo ralado) ; leva-se ao lume para descongelar e formar uma mistura homogénea (se usar espinafres frescos, depois de cozidos salteiam-se com um pouco de azeite e junta-se o queijo). Juntar passas, se gostar.
- Encher as formas, espalhar por cima a quantidade razoável de pinhões e cobrir com nova porção de massa folhada; dobrar as bordas, abrir um pequeno orifício no meio, pincelar com gema de ovo;
- Forno, mais ou menos 15 minutos.
(o mesmo recheio de espinafres, passas e pinhões pode ser usado para fazer uns pasteis com o feitio de rissóis mas cuja massa se faz com 1 embalagem de natas + farinha necessária para tender a massa + sal; pincelar com gema de ovo e assar no forno)
Mousse de banana (para 4 pessoas)

- 3 bananas maduras, cortadas em rodelas e regadas com o sumo de 1limão ou 1 laranja ( fica bem mais ácido com limão). Reduzir a puré com a “varinha mágica”
- 3 colheres de sopa de farinha de alfarroba (um substituto de chocolate ou cacau, com um valor calórico muito inferior)
- 1 colher se sopa de malte em pó ( substituto do açúcar) ou 1 colher de sopa de mel
- Mexer bem toda a mistura, deitar em taças pequenas, polvilhar com coco ralado e deixar no frio.

Durante esta semana, até 5 de Outubro, diversas entidades associaram-se para comemorar, pela primeira vez, a Semana Vegetariana. Podem encontrar-se diversas actividades em www.semanavegetariana.com/
Nota: a farinha de alfarroba e o malte vendem-se nas lojas de alimentos naturais (“Celeiro”, …); pode substituir parte do chocolate/cacau ou açúcar dos bolos comuns.

2 comentários:

ZIA disse...

Passei por aqui só para saudar este dia já que também eu aprecio bastante alguns pratos vegetarianos e, ainda por cima, já tive o privilégio de provar as duas que aqui são divulgadas e... gosto das duas, sobretudo da tarte de espinafres e pinhões...
Façam-na, provem e...bom proveito!
Boa ideia esta de dar conhecer, de vez em quando, umas receitas para podermos variar as nossas refeições.
Jinhos
ZIA

Isa disse...

Excelente ideia!Gosto bastante de
algumas receitas vegetarianas.Estas devem ser mto boas.:):)
Bjo.
isa.