domingo, 14 de setembro de 2008

BOAS NOTÍCIAS 7


- Nos Jogos Paralímpicos, João Paulo Fernandes conquistou pela 2ª vez consecutiva a medalha de ouro do torneio de boccia, ao vencer António Marques que ganhou a medalha de prata. Entretanto, mais medalhas foram conseguidas, nesta modalidade – de prata, para Bruno Valentim e Fernando Pereira e de bronze, para Armando Costa, Mário pereira e Eunice Raimundo.
(Diário de Notícias, 10/9 e Expresso, 13/9)

- O Governo Regional dos Açores decidiu, nos próximos anos, entregar manuais escolares às escolas do ensino básico. Neste ano lectivo serão oferecidos os livros de inglês para que “a generalização da disciplina não resulte num acréscimo de despesa para as famílias”.


- Um grupo de quatro alunos liderados pelo professor Joaquim Delgado, da Escola Superior de tecnologia de Viseu, desenvolveu um projecto que resolve todos os problemas de conversão de um veículo normal para energia exclusivamente eléctrica. A experiência foi feita num Volvo 460 que atinge 80 Km/h e consome 1,40 euros de energia por 100 Km. (a esta velocidade não vamos achar que é uma boa notícia …)
( SuperInteressante, Set 2008)


- O presidente da Câmara Municipal de Lisboa anunciou um acordo de cooperação com o movimento “Cidadãos por Lisboa” liderado por helena Roseta, que prevê a elaboração do Programa Local de Habitação. Este programa pretende “recuperar habitantes para a cidade e criar melhores condições para os que cá vivem”.
(Global, 10/9)

- A Câmara Municipal de Lisboa, através de nove diferentes percursos literários, vai continuar a divulgar os escritores da cidade aos estudantes do 3º Ciclo, do secundário, do ensino técnico e universitários. Durante cerca de hora e meia, os jovens conhecem ruas e locais que foram importantes para os nossos escritores. São passeios gratuitos, não há número limite de participantes, mas os alunos devem ser acompanhados por um professor responsável.
Fernando Pessoa, Eça de Queirós, José Cardoso Pires são algumas das propostas desta iniciativa que já tem dois anos de actividade.
(Destak, 12/09)

- António Lobo Antunes foi o primeiro autor, de língua não espanhola, a ser distinguido com o prémio Juan Rulfo, um dos mais importantes no mundo literário ibero-americano. O prémio, no valo de 150 mil dólares será entregue, em Novembro, durante a Feira Internacional do Livro de Guadalajara.
(Visão, 11/09)

2 comentários:

Isa disse...

Pena tenho k ñ façam mais divulgação destes medalhados,k são um orgulho para nós.
Abraço.
isa

Rosa dos Ventos disse...

E que tenham bastante divulgação!

Abraço